Início BRASIL Moda nos anos 1980, biquíni cavadão volta com tudo no verão 2018
Moda nos anos 1980, biquíni cavadão volta com tudo no verão 2018

Moda nos anos 1980, biquíni cavadão volta com tudo no verão 2018

64
0

Nessas idas e vindas da moda, o biquíni cavadão, fundamento dos anos 1980, conseguiu novamente seu lugar ao sol. É o retorno triunfal da modelagem asa-delta e afins. No Brasil, grifes como Água de Coco e Triya investiram na tendência; lá fora, Versace e Baja East foram seduzidas pelo canto da sereia. Entre os novos criadores de beachwear, de Minas Gerais ao Canadá, esse shape é coqueluche. Definitivamente, é o verão das cavas.

— O asa-delta é um marco da década de 1980. Deixava a gente com um corpaço. Era revelador e dava uma sensação de liberdade — comenta a ex-modelo Magda Cotrofe, que ajudou Cidinho Pereira, da Bumbum Ipanema, a popularizar a ousada criação.

 Cidinho é tido como o inventor do asa-delta — e do fio dental também. A ideia, ele diz, nasceu de observações nas praias californianas e cariocas. Um estudo de campo minucioso.

— Sempre procurei respeitar as curvas femininas. Lembro ter visto as meninas no Leblon amarrando o laço da calcinha na alça do sutiã para esticar a peça debaixo, alongando assim a silhueta. Facilitei as coisas, valorizando o que é bonito — conta o designer.

O regresso da modelagem tem a ver com o ciclo da indústria da moda, com o passado sendo revisitado e atualizado, acreditam muitos estilistas. Adrien Bettio, da marca canadense 437 Swimwear, destaca ainda a questão do empoderamento.

— É poderoso para a mulher escolher usar um biquíni assim. É uma demonstração de quem está no comando de seu corpo e no controle de como exibi-lo — explica Adrien, que toca a 437 Swimwear com sua melhor amiga, Hyla Nayeri.

Isabela Frugiuele, da Triya, avisa que o corte, que alcançou até os maiôs, é democrático:

— Veste bem qualquer pessoa. O asa-delta afina a cintura, além de dar a impressão de que as pernas são maiores.

Lara Montalvão, da etiqueta mineira Lara, justifica o sucesso das cavas:

— Vejo despertar nas mulheres a vontade de sentir mais livres, diferentes e bonitas. E, não há quem resista a uma mulher confiante.

A ex-modelo Monique Evans, musa absoluta do look, diz que usa até hoje biquínis nesse estilo:

— Não consigo me adaptar aos retos. Eles formam aquelas gordurinhas logo abaixo da cintura, o que é muito feio.

 

(64)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}