Sidney Leite destaca esforço do Governo em recuperar as perdas salariais da área de Educação

O deputado estadual Sidney Leite destacou nesta terça-feira (13), na tribuna da Casa, o esforço do Governo do Estado no sentido de resgatar a data-base dos professores, de 2017 e 2018, que vence agora no mês de março e que representa um ganho de 8,17%.

De acordo com o diálogo que o deputado vem mantendo com o secretário de Estado da Educação, Lourenço Braga, é que há ainda predisposição do pagamento também dos outros três anos que, como presidente da Comissão de Educação da ALE-AM, o parlamentar sugere um escalonamento que possa ser pago nos anos vindouros.

O deputado Sidney também destacou a importância de inclusão da garantia dos professores que se qualificaram, os chamados de progressão vertical e que foram beneficiados. São em torno de 3.500 professores.

“Entendo que há necessidade de permanecermos o dialogo para que estudos possam ser feitos e beneficiar também os professores da progressão horizontal (por tempo de serviço)”, declarou Leite.

Como se não bastasse, o deputado também sugeriu que o Estado faça uma revisão do contrato com o Plano de Saúde dos professores. De acordo com ele, mais da metade dos professores não pode usar este benefício, porque a empresa conveniada com o Governo não oferece assistência médica no interior. “Nossa sugestão é que o Estado repasse o recurso ao professor, porque assim ele pode fazer a opção que lhe for mais conveniente”, disse.

O deputado defende ainda que o tíquete-alimentação também seja pago em dinheiro, assim como já faz o Tribunal de Contas do Estado, assim como a ALE-AM.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

(237)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}