Início AMAZONAS Urgente: Policia e Bombeiros se preparam para paralisação no Amazonas
Urgente: Policia e Bombeiros se preparam para paralisação no Amazonas

Urgente: Policia e Bombeiros se preparam para paralisação no Amazonas

171
0

Paralisação é pela luta da continuação da lei de promoções, pagamentos das data-base, diárias, criação da lei de escala, GTE Inclusa entre outros

Manaus – Na noite desta terça-feira (13)  as associações representativas dos praças do Amazonas ( Policiais e Bombeiros Militares ) decidiram aderir a uma paralisação em busca de melhorias para a categoria e para o serviço de excelência a população amazonense.

APEAM (Associação dos Praças do Amazonas), ASC ( Associação de Cabos e Soldados) e ASSOAPBMAM (Associação de Subtenentes e Sargentos) emitiram nota para a sociedade amazonense e para seus associados. (Veja na integra abaixo)

NOTA À SOCIEDADE AMAZONENSE

As Associações da Polícia e Bombeiros do estado do Amazonas, vem à público informar que a Polícia e Bombeiros estarão paralisando suas atividades a qualquer momento – Em todo o estado.

Entretanto esclarece que :

A) Foram esgotadas todas as formas de diálogo dos representantes da Categoria com o Governo do estado, que se mostrou indiferente as reivindicações Justas da Categoria.

B) Lamentamos que o Governador do Estado do Amazonas, tenha deixado a situação chegar a esse ponto, ignorando todas as tentativas de diálogo com os representantes da Categoria.

C) Pedimos que as pessoas, redobrem a atenção a sua segurança nos próximos dias e que nos ajudem a evitar que o caos se instale no estado do Amazonas

D) Aos policiais e Bombeiros do Amazonas, pedimos que preparem o corpo e o espírito, para defender os nossos direitos e a nossa dignidade que estão sendo pisoteados por esse Governo. Não deixem nossos representantes sozinhos nessa luta, a união faz a força e somente juntos, unidos e determinados iremos vencer essa batalha.

À População Amazonense, informamos que nunca desejamos essa paralisação, sempre buscamos o diálogo junto ao Governo sobre nossas reivindicações, entretanto restou-se frustrada pela prepotência e Soberba do governo.

Mais uma vez Lamentamos pela situação ter chegado a esse ponto e reiteramos para que a população redobre os cuidados quanto à sua segurança nos próximos dias e que nos apoiem para que possamos viabilizar uma solução e evitar que o caos se instale.

Jamais abandonaremos a população Amazonense, os serviços administrativos básicos de manutenção da ordem serão mantidos por cerca de 20% do Efetivo.

O Governo mentiu se mostraram dispostos a atender as reivindicações da Categoria.

 


NOTA PARA OS POLICIAIS MILITARES DO AMAZONAS

Os presidentes das associações de representação de praças do Amazonas na Operação Defesa esclarecem aos policiais e bombeiros militares:

Que o movimento em defesa da nossa Lei Nº 4.044/14 continua mantido na sua integralidade;

Que a população do Amazonas nos apoie porque este movimento é em defesa de uma sociedade mais justa e segura para todos;

Que as informações em blogs e portais, mantidos com verbas do governo, sobre a desarticulação da Operação Defesa, são falsas;

Que não aceitaremos a retirada dos nomes dos praças das turmas de 89, 90, 93, 94, 97, 98, 99, 00, 01, 03, 04 e 05 das atas de promoções como está fazendo o Governo;

Que não trocaremos de forma alguma a nossa Lei nº 4.044/14 por promoções que não atendem nem metade dos 8 mil praças da capital e interior do Amazonas;

Que aceitar essas promoções em troca do fim da nossa lei significará um prejuízo histórico para a categoria;

Que até o momento não houve reunião de igual para igual com o Governador Amazonino Mendes sobre as pautas dos praças da polícia militar;

Que nas próximas 48h uma nova fase da “Operação Defesa” será colocada em prática;

que todos os praças do Amazonas se mantenham de prontidão e firmes para as próximas fases da Operação Defesa da nossa lei.

Nem um passo sequer daremos para trás!

Gerson Feitosa – Presidente da Associação dos Praças do Estado do Amazonas (APEAM), Cabo Igo Silva – Presidente da Associação de Cabos e Soldados (ACS)
Sargento Pereirinha – Presidente da Associação de Subtenentes e Sargentos (ASSOAPBMAM). Sargento Jordão – Presindente da Associação dos Militares Estaduais (AME).

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

(171)

Paulo Apurinã Comentarista Político, Perito Criminalístico, Conselheiro das Cidades, Membro do Fórum Mundial Anti Corrupção e Secretário Nacional de Comunicação do Partido Nacional Indígena-PNI.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}