Início AMAZONAS Diretor do longa “Ex-Pajé” conversa com público durante avant première em Manaus-AM
Diretor do longa “Ex-Pajé” conversa com público durante avant première em Manaus-AM

Diretor do longa “Ex-Pajé” conversa com público durante avant première em Manaus-AM

25
0

Amanhã, 17, o Cine Casarão recebe o diretor longa-metragem Ex-Pajé (Ex-Shaman), para um bate-papo com e o público sobre o filme. A estreia em Manaus será às 16h. Os ingressos custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

“Ex-Pajé” é um filme que embaralha os limites entre documentário e ficção para retratar o dia a dia do povo Paiter Suruí, que vive no interior do Amazonas. E foi dirigido por Luiz Bolognesi.

Filmado em Rondônia, “Ex-pajé” venceu o prêmio da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) de melhor Documentário de longa ou média-metragem da Competição Brasileira do festival “É Tudo Verdade”. Em fevereiro deste ano, recebeu o prêmio especial do Júri Oficial de Documentários da Mostra Panorama, no Festival de Berlim.

Luiz é roteirista e diretor de cinema. Sua história com o cinema brasileiro inlcui a direção do curta “Pedro e o Senhor” (1995), além da codireção dos documentários do Cine Mambembe, entre eles, “O Cinema Descobre o Brasil” (1999), “A Guerra dos Paulistas” (2002), “Lutas.doc” (2011), “Educação.doc” (2014) e “Juventude Conectada” (2015). Cine Mambembe foi premiado em Nova York, Havana, Montevidéu e Gramado e Educação.doc foi exibido no Fantástico e Globo News.

Mais tarde, o longa-metragem de animação “Uma História de Amor e Fúria” (2013), que tem roteiro e direção de Luiz Bolognese venceu vários prêmios, incluindo o Cristal de Melhor Longa Metragem em Annecy (França), o principal festival de animação do mundo. O filme foi exibido nos cinemas de seis continentes e também premiado nos festivais de Tóquio, Shangai, Atenas, Bordeaux, Strasbourg, Buenos Aires e pela Academia Brasileira de Cinema.

Grande roteirista, Luiz escreveu os roteiros dos filmes Bicho de Sete Cabeças (2001), O Mundo em Duas Voltas (2006), Chega de Saudade (2007), Terra Vermelha (2008), As Melhores Coisas do Mundo (2010) e Amazônia, Planeta Verde (2014), que receberam prêmios de melhor roteiro da Academia Brasileira de Cinema, APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) e nos festivais de Brasília e Recife.

Além dos prêmios de roteiro, esses filmes participaram e foram premiados em diversos festivais, como Veneza, Toronto, Locarno, Biarritz, Los Angeles, Roma, Miami, Havana, Nova Delhi, Recife, Gramado e Brasília. Foram vendidos para cinco continentes e vistos por mais de 40 milhões de espectadores em televisões de diversos países, inclusive Rede Globo e HBO América Latina.

Ele também tem sua participação nos roteiros dos longas-metragens: Elis, Como Nossos Pais e Bingo – O Rei das Manhãs.

Serviço

Cine Casarão recebe diretor do longa “Ex-Pajé” em Manaus

Onde: Cine Casarão, na rua Barroso, 279, Centro

Quando: dia 17 (às 16h e às 20h30); dia 18 (às 20h30); dia 19 (às 16h) e dia 20 (às 18h)

(25)

Paulo Apurinã Comentarista Político, Perito Criminalístico, Conselheiro das Cidades, Membro do Fórum Mundial Anti Corrupção e Secretário Nacional de Comunicação do Partido Nacional Indígena-PNI.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}