PF deflagra operação em Manacapuru para investigar fraude e corrupção no transporte escolar

Uma organização criminosa que fraudava licitações no transporte escolar fluvial no município de Manacapuru é alvo de uma operação da Polícia Federal. Segundo fontes do Radar, a PF chegou por volta das 5h da manhã desta terça-feira (29) na cidade e dois carros da polícia estariam na porta do escritório de um empresário identificado apenas por “Anderson”.

De acordo com as investigações, ele seria o verdadeiro dono da empresa Navegação Pimentel Ltda, responsável pelo serviço de transporte escolar em diversos municípios, além de Manacapuru. O Radar captou que no site da receita federal, a tal empresa tem como proprietárias duas pessoas quase homônimas, Ilcilane Cunha dos Santos e Nilcilane Cunha dos Santos que, por motivos óbvios, devem ser da mesma família.

Segundo informações, o transporte escolar é deficitário e o contrato tem varias irregularidades, como por exemplo, a cobrança por embarcações que não existem, que o povo chama de “embarcação fantasma”. As investigações começaram após denúncias sobre irregularidades nas licitações do transporte escolar fluvial naquele município e seria de conhecimento público.

Elas apontam ainda, envolvimento de políticos de Manacapuru no esquema onde inclusive haveria rateio de dinheiro, a conhecida propina.

 

Fonte: Radar Amazonico

(72)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}