Comandante da PM pede R$ 60 mil em ação após ser chamado de ‘pau mole’ no Diário Oficial do MP-AM

O comandante geral da Polícia Militar no Amazonas, coronel David Brandão, entrou com pedido de R$ 60 mil em indenização por dano moral ao Ministério Público do Amazonas (MP-AM). O motivo é a publicação do dia 4 de junho no Diário Oficial do órgão, na qual Brandão é chamado de “coronel pau mole”.

A Polícia Militar confirmou ao Jornal AM Hoje a existência da ação cível e de uma representação junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Já o MP-AM disse que não vai se pronunciar. A reportagem também tentou contato com a defesa de David Brandão, mas não obteve retorno.

A publicação que continha a ofensa, referente à portaria N° 002/2018, foi retirada do ar no dia seguinte. Brandão já foi chefe da Assessoria Militar do MP-AM.

À época, o MP-AM definiu o erro como “grosseiro e ofensivo” e disse que foi determinada a apuração do fato. Não há informações sobre o atual status da investigação.

(189)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}