“Amazonino tem que ser cassado”, diz Sabá Reis

Após denúncia do Ministério Público Eleitoral (MPE-AM) contra o deputado federal Alfredo Nascimento (PR), de praticar conduta vedada em ano de eleição, o deputado estadual Sabá Reis (PR) defende que a acusação de promoção pessoal é inexistente.

Segundo Sabá Reis, Alfredo é o principal responsável pela construção de mais de 40 portos no Amazonas, dentre esses, 14 com fábricas de gelo. “O que Alfredo fez de diferente foi pegar no gelo pra ver se estava gelado. Se esse ato é crime, imagina a massiva propaganda em rede social de Amazonino se autodenunciando”, satirizou.

O deputado ainda relata que Alfredo participou das inaugurações das fábricas de gelo em período permitido pela legislação, já o governador promove diariamente farra e zomba da Justiça Eleitoral. “Isso sim é conduta vedada, e ele deveria ter seu mandato cassado!”, enfatizou.

Sabá Reis, que é o principal opositor ao Governo de Amazonino, e esteve presente em algumas inaugurações, garante que Alfredo não fez nada além de cumprir os protocolos do evento. “As inaugurações no interior fazem parte das atividades parlamentes de Alfredo como deputado federal. Ele sempre lutou pela instalação dessas fábricas de gelo nos portos do Amazonas”, concluiu.

Quando ministro dos Transportes, Alfredo destinou mais de R$ 1,2 bilhão para a construção de portos no Amazonas.

(9)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *