TRANSPORTADORES DE CARGA AUTÔNOMOS PEDEM INFRAESTRUTURA DE TRABALHO À SUFRAMA

Dirigentes da Cooperativa dos Transportadores Autônomos de Cargas do Amazonas (Cooptramaz) reuniram-se na manhã desta segunda-feira (3), com o Superintendente da Suframa, Appio Tolentino, para solicitar do órgão uma área destinada a implantação da infraestrutura necessária para as atividades da categoria nas proximidades do Distrito Industrial de Manaus.
O encontro foi intermediado pelo deputado estadual Sidney Leite (PSD0 e, na ocasião, também foi apresentada a precária situação atual desses profissionais. “São centenas de trabalhadores que diariamente movimentam a economia do Amazonas, mas que não possuem as mínimas condições e dignidade em seu trabalho. Eles não têm sequer um banheiro à disposição”, explicou Sidney Leite.
De acordo com o presidente da Cooptramaz, Antônio Albertino, atualmente, os carreteiros ocupam um terreno abandonado, nas proximidades do Distrito Industrial, onde são obrigados a compartilhar o espaço com usuários de drogas.

“A cooperativa comprou um contêiner que usamos como escritório e parte administrativa, mas a higiene pessoal é feito no mato mesmo”, descreveu Albertino ao superintendente Tolentino, que por sua vez, solicitou um projeto para apreciação do órgão.
Sidney Leite assegurou ainda, que apresentará o caso no plenário da Assembleia Legislativa do Estado, onde irá procurar outras soluções para viabilizar uma solução imediata. “Estamos confiantes no posicionamento da Suframa, mas também iremos buscar o apoio de outros órgãos estaduais para dar melhores condições para estes trabalhadores”, acrescentou o parlamentar.

*APOIO DE SINDICALISTAS*
No último final de semana, o deputado Sidney Leite recebeu o apoio de líderes sindicalistas e representantes dos trabalhadores da indústria da construção civil, estivadores e cooperados dos transportes à sua candidatura de deputado federal, na eleição de outubro.
Além do apoio, foi firmado também o compromisso do parlamentar de ampliar a representação da categoria no Congresso Nacional. “Precisamos de um político que lute e defenda o nosso segmento”, declarou o secretário nacional de organização sindical da entidade, Carlos Fernandes.

(16)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

}