Prefeito de Novo Airão acabar de prestar depoimento na sede do ministério público

Prefeito Frederico Jr. compareceu ainda há pouco à sede do Ministério Público, no Grupo de Combate ao Crime Organizado (GAECO), para prestar esclarecimentos no Inquérito que investiga a chamada “Máfia da areia”, onde se apuram crimes contra ordem tributária (sonegação de ICMS); denúncias de corrupção passiva, onde o prefeito e seus prepostos foram acusados de receber vantagens indevidas.
Ontem (14/08) Vereadores de Novo Airao e Empresários da mineração prestaram depoimentos e, segundo consta, entregaram farto material (documentos, áudios, vídeos) onde vários personagens ligados diretamente ao Prefeito (um ex procurador e um advogado/empresário), apareceriam e/ou tem áudios, de recebimentos de vantagens indevidas.
Sobre o mesmo caso a Câmara de Vereadores, num ato inédito na história de Novo Airao, recebeu, por unanimidade, Denúncia e já instaurou Processo Administrativo para cassar o Prefeito.
O mesmo fato também gerou investigações paralelas nas Delegacias Especializadas em Crime contra Fazenda Pública Estadual e na Especializada em Crimes contra o meio ambiente.
Empresários do setor denunciaram que o prefeito teria como laranjas Sr. José Valdemir Ribeiro Torres, vulgo “chupa” e seu irmão Pablo, e, por isso publicou Decretos impedindo a mineração de areias em Novo Airao, a não ser seu irmão e o suposto laranja.

Empresários denunciam que a Prefeitura de Novo Airao não fiscalizaria nem exigiria nenhuma obrigação legal dos supostos testas de ferro do prefeito .

O GAECO, segundo informações, deverá investigar profundamente os supostos laranjas do prefeito e acompanhar as investigações da Delegacia Fazendária e do meio ambiente.

Simultaneamente começam à vir à tona outras denúncias contra o prefeito de Novo Airao, sendo a mais escandalosa a que dá conta de estranhos contratos só com empresas de Manacapuru, como a de combustíveis, onde, embora existam postos de combustíveis em Novo Airao, fornecendo inclusive para a Câmara de Vereadores, o Prefeito manda todas os veículos da prefeitura abastecerem no município vizinho, que obriga um percurso de 200 km, fatos que estão sendo organizados e serão noticiados aqui, com exclusividade .

Fonte: o Abutre

(10)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com