Ex-comissionados acusam Câmara Municipal de Manaus de não pagar indenização

Manaus – Um grupo de ex-comissionados estão acusando o presidente da Câmara Municipal de Manaus , Joelson Silva (PSDB) de não pagar as verbas indenizatórias de acordo com as determinações da legislação trabalhista em vigor de quem trabalhou na CMM e esperam esperando receber há mais de três anos.

Segundo afirmam, a Câmara informa que não tem recursos mas dispôe de dinheiro para realizar obras como a construção de anexos com grande orçamento avaliado em mais de R$4,5 milhões e reforma do plenário no valor de R$2,5 milhões, segundo relata o Blog Manaus Olímpica.

O presidente Joelson Silva, disse que as acusações são infundadas, porque vem pagando gradativamente as indenizações. Ele reclama do orçamento deixado pela gestão anterior, que teve na presidência o atual deputado estadual Wilker Lima (Podemos).

O presidente afirmou que no próximo ano vai contar com um orcamento maior de “verbas indenizadas”. “Agora vou fazer uma programação. Acho que é mais justo”, disse.

Comissionados reclamam

“Há três anos que vou lá para ver se consigo receber, mas eles sempre dizem que não tem dinheiro. Agora me explica como é que eles alegam não ter dinheiro para pagar indenizações de R$1.000,00, R$1.500,00, R$2.000,00 e até R$3.000,00 de trabalhadores simples, mas fazem essas duas obras que juntas somam mais de R$7 milhões e compram um painel novo que custa mais de R$600 mil”, questionou um dos comissionados que não quis se identificar temendo represálias.

(30)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com