Bolsonaro chama Átila Lins para tratar de ministério da Amazônia

Aguinaldo Rodrigues, da Redação | O presidente deu entrevista com Átila Lins antes da reunião sobre ministério para a Amazônia

No dia seguinte à apresentação da proposta para criação do Ministério Extraordinário da Amazônia, o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), convidou o deputado federal Átila Lins (Progressistas-AM) para tratar do assunto.

Ele fez questão de apresentar o parlamentar na tradicional entrevista diária à porta do Palácio do Alvorada, nesta quinta, dia 13. E abriu espaço para Átila conversar com os jornalistas sobre sua ideia.

Átila falou da importância de um ministério, no lugar do Conselho da Amazônia, para cuidar dos temas pertinentes à região.

Bolsonaro disse que vai estudar a proposta do deputado quanto à viabilidade de criação de um novo ministério.

Como argumento, Átila vai dizer ao presidente o quanto seu governo vai ganhar em visibilidade mundial se criar o ministério. Para o parlamentar, Bolsonaro estará assim dando um recado de que a Amazônia é sim uma preocupação de sua gestão.

Na entrevista, Bolsonaro fala ainda do porquê de os governadores não terem sido chamados para o conselho. Também diz o que pensa do Greenpeace.

Insistentemente questionado sobre a permanência do ministro Osmar Terra no governo, o presidente se esquivou e não confirmou se ele, que está no Amazonas hoje, seguirá no seu ministério.

(10)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com