Comissão convoca secretários municipais de saúde para esclarecimentos sobre Covid-19

A presidente da Comissão de Saúde e Previdência da Assembleia Legislativa do Amazonas(Aleam), deputada Mayara Pinheiro(PP), anunciou nesta terça-feira (26), uma reunião online, na sexta-feira (29) com os secretários municipais de saúde. O objetivo é verificar como está o combate ao coronavírus e quais carências de cada prefeitura.

“O avanço no número de casos no interior é preocupante e corresponde a 53% do total de registros do estado. Por isso, precisamos reforçar o acompanhamento direto com os municípios, pois as dificuldades são muitas como o problema na transferência de pacientes de alta complexidade por causa da instabilidade.Dessa forma, sugeri um protocolo específico de ações como contratação de médicos, reforço no tratamento precoce e acompanhamento laboratorial. Com medidas efetivas, vamos coibir o avanço da doença”, explicou.

Desde o início da pandemia, diversos ofícios de cobrança, sobre o plano de enfrentamento, foram enviados à Secretaria Estadual de Saúde (Susam). E segundo a parlamentar, as respostas não atenderam às expectativas.
Nesse sentido, na próxima segunda-feira (01), está agendada uma reunião com o secretário executivo do interior, Cássio Roberto Espírito Santo, no intuito de levar as demandas dos municípios à Susam.

“Vamos seguir fiscalizando as ações de enfrentamento e por isso essas reuniões são fundamentais. Além dos irmãos do interior, precisamos também traçar um plano específico aos indígenas porque já temos 26 mortes” , afirmou.

Ainda durante a Sessão Online dessa terça, Mayara reiterou o apoio para a criação da CPI e se colocou à disposição de contribuir para os trabalhos.

” A saúde tem sido o foco e é necessário pensar como um todo porque temos os tratamentos de outras doenças que não esperam. Lembro que fui a indicada do meu partido Progressistas para a composição da CPI, e não vou fugir dessas duas lutas: enfrentamento do coronavírus e qualificar a saúde do Amazonas”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: