Alunos da rede pública terão aulas de reforço na gestão de David e Marcos Rotta

Para que os estudantes da rede pública municipal compensem o tempo perdido com a falta de aulas presenciais causada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19) neste ano, o candidato à Prefeitura de Manaus David Almeida (Avante) propõe, como meta de governo, a implantação de aulas de reforço no contraturno escolar, nas escolas da rede municipal.

O candidato da coligação Avante Manaus avaliou que, em meio à pandemia da Covid-19, muitos alunos em Manaus perderam muitas aulas por não terem as condições necessárias para ter um bom rendimento com as aulas online. Diante desse cenário, ele pretende somar esforços com os profissionais da área da educação para garantir a nova rotina de estudos.

“Vamos dar atenção especial às crianças e investir pesado na modernização do sistema municipal de ensino. O ano letivo de 2020 teve um grande prejuízo com a suspensão das aulas presenciais, e o ensino distância deixou a desejar, uma vez que nem todos os estudantes têm acesso à internet facilitado. Com aulas de reforço, vamos garantir que as nossas crianças e adolescentes não sejam penalizados”, afirmou o ex-governador.

David disse que, se for conduzido pelo eleitorado de Manaus à Prefeitura, ao lado de Marcos Rotta, vai trabalhar para superar a alta evasão escolar; aumentar o acesso às creches e às pré-escolas; elevar a escolaridade média e eliminar o atraso dos estudantes em relação à série adequada; além de fortalecer a política de regionalização da merenda escolar.

De acordo com David, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), vai ser realizado um programa de promoção da saúde na escola, com exames clínicos, laboratoriais, odontológicos, oftalmológicos e atualização do cartão de vacinas dos estudantes matriculados na rede municipal de ensino.

David disse, ainda, que entre as suas metas está a inclusão de profissionais da psicologia e do serviço social dentro das escolas da educação básica de responsabilidade do município, a fim de fortalecer as novas estratégias pedagógicas de atenção às crianças e adolescentes. Segundo ele, é alta em Manaus a taxa de alunos com transtorno de ansiedade e depressão.

Educação moderna
Almeida fez questão de destacar que o sistema educacional deve priorizar o caráter inclusivo, a tecnologia, a empregabilidade, o empreendedorismo e as oportunidades amazônicas.

Outra prioridade, segundo David, diz respeito à implantação do Projeto “Educação 4.0”, que vai reforçar a complementação escolar em matemática, bem como desenvolver projeto piloto de “Tech Geeks” no ensino fundamental, com aulas de programação, robótica, empreendedorismo e inglês. “Nós vamos implantar um programa de bolsas para “iniciação científica júnior” para alunos de alto rendimento e premiação por desempenho escolar”, antecipou o ex-governador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: